Cabresto

by Tobel Lopes

/
  • Streaming + Download

    Includes high-quality download in MP3, FLAC and more. Paying supporters also get unlimited streaming via the free Bandcamp app.

      name your price

     

1.
04:09
2.
04:45
3.
04:22

credits

released December 21, 2012

All songs written and produced by Tobel Lopes, 2012.
EP artwork by Tobel Lopes.

tags

license

all rights reserved

about

Tobel Lopes Lisbon, Portugal

Tobel Lopes (born April 9, 1978) is a multi-instrumentalist singer, songwriter and producer born in Lisbon, Portugal.
Most widely recognized as the singer of the Portuguese rock band, Slamo, Tobel Lopes has been involved in multiple projects over the years, of which Anathema (as session bass player) Orgasmo and SinDRomE (now Head Control System) are the most notorious.
... more

contact / help

Contact Tobel Lopes

Streaming and
Download help

Track Name: Ominous
A experiência diz-me para mudar
O corpo de quem já não quer tentar ( já não muda )
Dois mais dois nem sempre vão somar
Dobra desdobra retira o pouco que te resta e vai à luta

Quem não sente é como quem não vê
Existe sem saber bem o porquê ( já não muda )
Quando á volta aquilo que se vê
Já não alimenta então é melhor tentar saber porquê

Vai à luta
Quem não sente é como quem não vê
Vai à luta
Existe mas sem saber porquê
Vai à luta
Quando á volta aquilo que se vê
Vai à luta
Já não alegra então é melhor tentar saber porquê
Vai à luta
A experiência diz-me para mudar
Vai à luta
O corpo de quem já não quer tentar
Vai à luta
Dois mais dois nem sempre vão somar
Vai à luta
Dobra desdobra retira o pouco que te resta e vai à luta
Track Name: Beligerante
De quatro faz-se um sem não
Ser necessário despender
Demasiada energia para fazer acontecer
Por cá já nada faz sentido
Porquê tentar então entender
Mais vale tornar-me submisso
E deixar a vida acontecer

Quando queres mais
Esgravata empata desgasta compacta

Para ti não há mais
Esgravatei empatei desgastei compactei

Tarde
Para ti é tarde demais
Para mim não é
Tarde
Para nós já é tarde
Tarde demais


Amanhã o sol vai brilhar

Vês o dia pela frente e sabes bem que há-de ser diferente

Amanhã vamos recomeçar

Não há força que te consiga parar

De quatro faz-se um sem não
Ser necessário despender
Demasiada energia para fazer acontecer
Por cá já nada faz sentido
Porquê tentar então entender
Mais vale tornar-me submisso
E deixar a vida acontecer

Tarde
Para ti é tarde demais
Para mim não é
Tarde
Para nós já é tarde
Tarde demais

Amanhã o sol vai brilhar

Vês o dia pela frente e sabes bem que há-de ser diferente

Amanhã vamos recomeçar

Não há força que te consiga parar
Track Name: Fugaz
Estes dias passam rápido
Passam rápido demais
Nem sequer consegues chegar a acordar e
Mantens-te solto no exílio da saudade e mais
Mais parece um take solto
Essa tua vida mal editada não tem emenda
Até hoje nunca apareceu ninguém que te compreenda
Somos dois em um
No fundo nenhum

Mais uma hora passa
Aumenta a desgraça
Arregaça a manga mostra que és capaz
Mais uma hora passa
Aumenta a desgraça
Eu só queria ser eficaz

Tentar ser eficaz
Num mundo tão perspicaz
Não é fácil
O passivismo mordaz é quem dita a lei
Então se queres continuar
Confortável no teu lugar
Ouve bem o que te vou dizer
Vou mostrar-te o que deves fazer
Toma nota para a cabeça não esquecer

Segue em linha recta
Quem já nada vê
Quem já nada sente
Não pergunta porquê
Corrida sem meta
Perguntas porquê
No fim não interessa
Logo se vê

Da-me á mão
Afinal há tão mais para ver aqui
Se me dizes para não ver e seguir em frente
Afinal que faço aqui?

Ganha pulso escreve a tua sina
A mim ninguém me ensina
Vê onde isto nos levou
Perdidos em dias que nunca esperam
A pensar nos que tiveram
O que a vida não nos deu

Da-me á mão
Afinal há tão mais para ver aqui
Se me dizes para não ver e seguir em frente
Afinal que faço aqui?

Mereço ver tudo o que não vi

Da-me á mão
Afinal há tão mais para ver aqui
Se me dizes para não ver e seguir em frente
Afinal que faço aqui?

Estes dias passam rápido
Passam rápido demais